Buscar
  • blanco

Ondas de rio

Itamambuca parte 2



A idéia partiu do Sifu, muito por saber meu fascínio em fotografar pequenas ondas. Na boca do rio, canto esquerdo de Itamambuca, iríamos criar a nossa própria onda, em um lugar onde normalmente não quebra nada.


Na teoria, com a ajuda de sua prancha, Sifu deslocaria água em um ponto estratégico do rio e eu ficaria esperando, em outro ponto estratégico, as ondas criadas "artificialmente" quebrarem.



Testamos em uma margem, na outra, e chegamos até a criar uma bancada de areia na esperança que a onda quebrasse lá. E até que quebrou, mas a melhor bancada mesmo, ficava na outra margem do rio, com uma luz bem mais interessante. Focamos lá.



A onda, as vezes, não quebrava no lugar certo e, outras vezes, sequer quebrava. Para completar, a interferência de outras pessoas passando pelo rio e até de um cachorro, que deitou bem em cima da mini bancada e atuou como uma ilha no nosso projeto de praia.

Depois de algumas tentativas e muitos erros, o resultado foi esse: belas "ondinhas" com uma coloração bem diferente.

Delírio visual.




0 visualização
  • Black Instagram Icon
0